Sejam bem-vindos ao outro lado do espelho, onde tudo pode acontecer (e acontece).

Wonderlando é um blog sobre textos diversos, descobrimentos e crescimento. A filosofia gira em torno do acaso, misturando fantasia e realidade de dois amigos que se conheceram também por acaso, Alice - que tem um país só seu -, e Yuri - chapeleiro e maluco nas horas vagas.

Leia, comente e volte sempre... Ou faça como a gente e não saia nunca mais.

3 de agosto de 2006

Nice Weather for the Ducks

Daí eu saio do banheiro e minha mãe:
- O que você tanto bate no banheiro?
Eu, desconcertado por uma pergunta tão direta e ingênua, respondo na mesma intensidade:
- Ué, mãe... Punheta!
Meu pai ri, minha irmã ri e minha mãe ri sem-graça.

Ela[mamãe] estava falando sobre eu bater o cabo da gilette na pia, pra tirar a barba que sobra...

6 comentários:

Alice, in hopes of finding that damn rabbit disse...

hahahahahahahahaahhaahahahaha

mas você sabia ao que ela se referia ou só achou interessante testar a reação dela à resposta mais óbvia?

.H.deLata. disse...

"o mais sábio é o que se faz de bobo" [ou alguma coisa assim]
- Buda -

Alice, in hopes of finding that damn rabbit disse...

tava no "meu" texto dos problemas do homem.



mas agora me responda: por quê?

.H.deLata. disse...

por que o q?

Alice, in hopes of finding that damn rabbit disse...

por que o mais sábio é o que se faz de bobo?

.H.deLata. disse...

porque as pessoas sempre querem provar que são mais que as outras pessoas. Quando alguém se faz de bobo, ganha a confiança da outra pessoa, o ego dela aumenta e ela se sente mais poderosa do que realmente é, cegando-se e não te enxergando como uma ameaça.
Ou seja, o bobo não é o que se faz de bobo, mas o que não enxerga isso.